Alma Feminina



Pedindo perdão pela barbeirada na filmagem (o tablet ficou originalmente invertido), a composição aí é de nossa lavra...ao violão e tentativa de voz, o autor. :). A inspiração foi uma postagem no Facebook da Keyla Fogaça (uma das moças do Quarteto em Cy, pra quem não liga o nome à pessoa)


De olhos fechados
Sigo a me lançar
Ando em vastos campos
Borboleta a bordejar
Entre sonho e nuvem
Deixo o coração
Disparando a mil
Querendo viver

Sou ave de rapina
Vou singrando o ar
Sou alma feminina
Esperando pra pousar

Só temo que o medo
Possa afugentar
Toda a liberdade
Do elemento ar
Anseio espaço
Desfazendo nós
Nada sou concreto
Pra te ameaçar

Comentários

  1. reconheço que a voz está baixa pra caramba...problema de peopleware!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

histologia da próstata masculina

histologia - pulmão

biomembranas