Sophia Tibicuera

E Sophia me fala que gostou de ir à mesma igreja metodista que frequentei na minha adolescência e parte da fase adulta. Onde tive elementos que me fizeram gente, questionador, sem perder a ternura jamais, diria aquele médico argentino que curtia uma volta de moto na América Latina. E a fala de Sophia me calou fundo o coração, e me fez lembrar de Érico Veríssimo. Mais exatamente, me lembrou da obra "As Aventuras de Tibicuera". Do livro, trago um trecho para dividir com vocês:


"Escuta. O tempo passa, mas a gente finge que não vê. A velhice vem, mas a gente luta contra ela, como se ela fosse um guerreiro inimigo. Os homens envelhecem porque querem. Só muito tarde compreendi isso. Tibicuera pode vencer o tempo. Tibicuera pode iludir a morte. O remédio está aqui — tornou a bater na testa. — Está no espírito. Um espírito alegre e são vence o tempo, vence a morte. Tibicuera morre? Os filhos/as de Tibicuera continuam. O espírito continua: a coragem de Tibicuera, o nome de Tibicuera, a alma de Tibicuera. O/a filho/a é continuação do pai/mãe. E teu/tua filho/a terá outro filho/a e teu/ua neto/a também terá descendentes e o teu bisneto/a será bisavô/ó dum homem/mulher que continuará o espírito de Tibicuera e que portanto ainda será Tibicuera. O corpo pode ser outro, mas o espírito é o mesmo. E eu te digo, rapaz, que isso só será possível se entre pai e filho existir uma amizade, um amor tão grande, tão fundo, tão cheio de compreensão, que no fim Tibicuera não sabe se ele e o filho são duas pessoas ou uma só.
Eu olhava para o pajé, mal compreendendo o que ele me ensinava. Quando voltei para minha oca fiquei por longo tempo olhando para que meu filho que dormia na rede.
E eu me enxerguei nele, como se a rede fosse um grande espelho ou a superfície de um lago calmo.”
(Érico Veríssimo)


De certa forma, Sophia vai viver nosso momento Tibicuera. Vai estar no local onde vivi momentos importantes da adolescência e juventude. Conhecer pessoas, estar com gente amiga por perto. E realmente, vamos ver que “a filha é continuação do pai”, diria o sábio Érico Veríssimo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

histologia da próstata masculina

morfologia e histologia do Rim

biomembranas