pra pensar...

Eu quis ficar aqui
Mas não podia
O meu caminho a ti
Não conduzia
Um Rei mal coroado
Não queria
O amor em seu reinado
Pois sabia
Não ia ser amado
Amor não chora
Eu volto um dia
O Rei velho e cansado
Já morria
Perdido em seu reinado
Sem Maria
Quando eu me despedia
E no meu canto lhe dizia...

Já vou embora
Mas sei que vou voltar
Amor, amor não chora
Se eu volto é pra ficar
Amor não chora
Que a hora é de deixar
O amor de agora
Pra sempre, sempre ele ficar
Amor não chora
Amor não chora
Já vou embora
Já vou, já vou embora
Amor, amor não chora

(dos Geraldos Vandré e Azevedo, Canção da Despedida)
 
 
Vou voltar
Sei que ainda vou voltar
Para o meu lugar
Foi lá e é ainda lá
Que eu hei de ouvir cantar
Uma sabiá
Vou voltar

Vou voltar
Sei que ainda vou voltar
Não vai ser em vão
Que fiz tantos planos
De me enganar
Como fiz enganos
De me encontrar
Como fiz estradas
De me perder
Sei que ainda vou voltar
E é pra ficar... (Sabiá do Tom e Chico)


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

histologia da próstata masculina

biomembranas

morfologia e histologia do Rim