para refletir...

Realmente, é sempre fácil culpar os outros por nossos problemas. Culpar o professor por nossa dificuldade é uma ação quase imediata. Porém, temos que ver que nosso sistema de ensino, em especial na rede pública, acaba por gerar uma sub-informação na sala de aula. Muitos conteúdos importantes, nas diversas áreas, são relegados a um segundo plano, em nome do calendário acadêmico. Você acaba por não vencer todo um cronograma previsto, prejudicando alunos e, de certa forma, seus colegas, que terminam por reprisar conteúdos que deveriam ter sido melhor desenvolvidos anteriormente. Isso tudo cria um clima relacional bastante complicado, além de atrasar atividades, criando a demanda de sempre resgatar conhecimentos não propriamente consolidados.

Também a cultura de "facilitar" avaliações deve ser revista. Você não pode criar facilidade em nome de uma boa relação com a turma. Deve-se, claro, criar os métodos, explorar as tecnologias e possibilidades didáticas. Hoje em dia, com os pads e celulares inteligentes, muito do conteúdo de sala de aula passeia nos parques, anda de ônibus, viaja com o aluno. Quando o prof coloca uma nota mais baixa, nunca o é com alegria. Quando a nota alta tem um ar de "inchaço", a gente desconfia, vem aquela sensação de "estamoa sendo feitos de cegos"... A cultura da cola, de tentar, como diria um velho comercial, "levar vantagem em tudo", de dizer "enganei aquele mané do professor"... mas quem engana quem? E na hora da atividade profissional?

Fica a reflexão!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

histologia da próstata masculina

biomembranas

morfologia e histologia do Rim